Depoimentos

Gostaria de deixar um depoimento sobre nosso profissionalismo? 

Basta clicar no botão abaixo, preencher os campos e postar a foto!

Sua opinião sobre nosso trabalho é muito importante!


Deixe um depoimento.
Foto Upload com Sucesso!
Nome:
Tipo:
Profissão:
Cidade e Estado: -
  • Nome: Camila
    Tipo: Clientes
    Profissão: Publicitária
    Cidade e Estado: Amparo - SP





    Realmente a visita comportamental é muito importante pois sempre achamos que sabemos educar nossos peludos. Entrei em contato com o Alessandro e com a maior boa vontade do mundo foi em minha casa em pleno domingo.

    Nos deu uma super orientação e nos ensinou a educar nossos cães. Tenho uma Beagle e um Bulldog Francês ambos filhos ainda. O maior problema era a Beagle,não respeitava ninguém é praticamente estava dominando a casa e o Bulldog.

    Hoje a paz reina em nossa casa!. Esta mais calma e nos respeita muito e as brincadeiras entre eles agora são saudáveis pois antes ela pegava e mordia ele, não sabia brincar. Sou muito grata a você Alessandro por todas as orientações.  

    Parabéns pelo trabalho espetacular que vc realiza!!


  • Nome: Carlos Alberto Corrêa
    Tipo: Clientes
    Profissão: Advogado
    Cidade e Estado: Sao Paulo - SP

    A visita comportamental é de grande valia pois, as pessoas que pensam estar acostumadas com cachorros ou até mesmo por ser sua primeira experiência pensam entender, como devem ser os cuidados e manejos do dia a dia, acabam tendo a noção mais correta do que é ter um cachorro dentro do convívio familiar. 

    Muito, positiva a experiência!
  • Nome: Mayra Furlanetto
    Tipo: Clientes
    Profissão: Administradora de Empresas
    Cidade e Estado: São Paulo - SP
    O Alessandro nos ensinou que os cachorros têm uma linguagem própria. E que só obtemos resultados quando utilizamos a linguagem que os cães entendem. É uma questão de comunicação. Eu queria educar meu cão de um jeito que é totalmente errado. 

    Eu não entendia porque quanto mais eu era carinhosa, e fazia as vontades do meu cão, (achando que ele seria reciprocamente bonzinho comigo), mais ele me atacava. Assim, eu acabava dando biscoitos, comida, para ele se afastar e não me morder. Chegou a acontecer de eu desistir de levá-lo ao banho, ou ao veterinário, porque ele atacou e me machucou muito. 

    Resultado: ele acabou entendendo que me atacando, ele conseguia o que queria, assim cada vez que queria se impor, me atacava. Confesso que eu e meu marido estávamos meio desconfiados que uma única consulta comportamental seria capaz de resolver nosso problema, mas surpreendentemente resolveu! 

    Porque o problema não era o nosso cachorro apenas, mas como nós, particularmente eu, estava mimando e educando errado. O peludo em questão é o Spike. É como um filho para nós. É um Bulldog Inglês, de 6 anos, que passou a nos atacar todas as vezes que era contrariado. Atacava qualquer pessoa que não fizesse o que ele queria, ou que fizesse o que ele não queria, (situações cotidianas, como as mencionadas no início, banho, comida, vet, etc). 

    E os ataques foram se tornando cada vez mais frequentes e graves, daqueles que "gruda a boca e não larga". Nunca pensamos em nos desfazer do Spike, jamais! Mas já pensávamos na possibilidade de ele viver “enjaulado” como um leão, já que se comportava com um selvagem e não como um animalzinho doméstico. Já faz quase 3 semanas que o Alessandro esteve em nossa casa, e desde então, não tivemos mais nenhuma mordida. 

    O Spike tenta ainda - vez ou outra - me atacar, mas se consegui me defender, foi graças aos ensinamentos do Alessandro. Outro fato que é justo mencionar, é que eu ainda não consigo colocar em prática todos os ensinamentos que o Alessandro passou. Culpa exclusivamente minha às vezes, por ver o Spike mudando, ficando mais calmo, caio na tentação de tratá-lo como um coelhinho ou como um bebê.

     Mesmo assim a mudança comigo já foi enorme. Já meu marido seguiu à risca o que aprendeu e teve resultados muito melhores que eu. Interessante é que por meu marido ser mais incisivo, foi preciso apenas uma ou duas vezes para o Spike desistir de tentar novamente contra ele. Enfim, o Alessandro passa o conhecimento e as ferramentas, mas cabe a nós colocarmos em prática. 

     Sou totalmente contra qualquer tipo de violência contra os animais, e com o trabalho do Alessandro, descobri que disciplina é uma coisa, e violência é outra. E que certos cães - como o Spike - só se domina, se ensina, com muito pulso firme e disciplina. Hoje, todos em casa vivemos mais em paz e tranquilos, inclusive o Spike.

     A consulta comportamental valeu muito a pena! Recomendamos a todos! Me dediquei a escrever esse depoimento extenso pensando em outros cachorrinhos. Porque infelizmente já vi muitas pessoas abandonarem seus cães por diversos problemas, sendo que se tivessem a oportunidade de uma consulta com o Alessandro, muitas dessas histórias poderiam ser diferentes. 

    Acredito realmente que para cada situação, cada cachorro, ele tem uma solução, e assim teríamos muitos outros “finais felizes”.


Total de comentários 19