BULL TERRIER - GUIA DE RAÇAS


Bull Terrier 

TUDO SOBRE CACHORROS > GUIA DE RAÇAS > BULL TERRIER ESCRITO POR: TUDO SOBRE CACHORROS

Guia de Raças  

O Bull Terrier é forte, teimoso e muito fofo. Muitos acham que ele é o famoso Pit Bull, mas ele é bem diferente, tanto física quanto psicologicamente.
 
Família: terrier, mastiff (bull)
Grupo do AKC: Terriers
Área de origem: Inglaterra
Função Original: cão de luta
Tamanho médio do macho: Alt: 53-55 cm, Peso: 24-29 kg
Tamanho médio da fêmea: Alt: 53-55 cm, Peso: 20-24 kg
Outros nomes: Bull Terrier Inglês
Posição no ranking de inteligência: 66ª posição

Origem e história da raça

As lutas com touros e as brigas de cães eram consideradas um grande entretenimento para muitos europeus, que estavam sempre tentando novos cruzamentos para conseguir o cão de briga perfeito. Por volta de 1835, um cruzamento entre um bulldog e o velho Terrier Inglês produziu um cachorro especialmente habilidoso, conhecido como “bull e terrier”. Outro cruzamento com o pointer espanhol trouxe o tamanho necessário, e o resultado foi um cão tenaz, forte e ágil que acabou nomeando os pits. 

Com o aumento do interesse pela exibição de cachorros na Inglaterra, ninguém deu atenção a esses cães sempre associados com as camadas mais baixas da sociedade. Com a proibição das lutas de cães, alguns donos de bull terriers se voltaram para essa nova modalidade e começaram a aprimorar a aparência de seus cães. 

Por volta de 1860, James Hinks cruzou o bull e terrier com o White English terrier e o Dálmata, produzindo uma linhagem branca que ele chamou de bull terriers. Essa nova linhagem branca alcançou sucesso imediato e chamou a atenção do público; eles se tornaram a companhia da moda para os jovens cavalheiros que queriam um cão com estilo másculo ao seu lado. Os cães ganharam reputação por saberem se defender, mas não por provocarem brigas, por isso foram chamados de “o cavaleiro branco”. 

Aos poucos, os cães foram se tornando mais ágeis e a cabeça característica do bull terrier evoluiu. Por volta de 1900, cruzamentos com os Staffordshire Bull Terrier trouxeram a cor de volta à raça. Ele não foi bem aceito no começo, mas depois ganhou status de uma variedade à parte no AKC em 1936. A variedade branca continua a ser a mais popular, mas ambas as cores são bem populares em exibições e em cães de estimação. Seu jeito engraçado trouxe a ele muitos amigos, e eles provaram que também fazem sucesso em filmes e propagandas.
 
Temperamento do Bull Terrier
 
Exuberante, cômico, brincalhão, bruto e muito levado. Assim é o Bull Terrier. Ele é uma raça criativa que normalmente vê as coisas do seu jeito e é teimoso até o fim. Ele precisa de exercícios físicos e mentais todos os dias para evitar que ele exercite sua poderosa mandíbula em casa. Com toda sua pose de difícil, ele tem uma natureza doce, afetuosa e devotada.
 
Como cuidar de um Bull Terrier
 
O Bull Terrier precisa ser entretido, seja com um bom exercício ou com estímulos mentais. De preferência, ambos. Essa é uma raça ativa que gosta de uma boa corrida, mas é melhor deixá-lo correr em uma área segura. Ele não deve ficar ao ar livre, mas vivendo dentro de casa com acesso ao quintal. Os cuidados com o pelo são mínimos. Como costumam ser muito brancos e ter a pele rosada, pode ter câncer de pele se não usar protetor solar quando pegar sol. Você pode usar um protetor solar para bebês humanos.
 
Saúde do Bull Terrier
 
Principais Preocupações:surdez (brancos), problemas nos rins
Preocupações Menores: problemas cardíacos, luxação da patela
Vistos Ocasionalmente:luxação da lente
Exames Sugeridos: ouvido (brancos), olhos, avaliação das funções renais e cardíacas
Expectativa de vida: 11-14 anos

Fonte: Tudo sobre a raça Bull Terrier | Tudo Sobre Cachorros http://tudosobrecachorros.com.br/2012/09/bull-terrier.html#ixzz3bCtHGDgU 
Follow us: tudosobrecachorros on Facebook


Matérias